ghost image socials

Pesquisa

A opinião de Bruno Batista
2022: o regresso das marcas que nunca nos deixaram
13 de Janeiro de 2022
Image
Image
Lorem ipsum dolor sit amet, consectetur adipiscing elit.
2022: o regresso das marcas que nunca nos deixaram
Bruno Batista
CEO da GCI

Faça parte do futuro do Imagens de Marca

O rigor, a relevância e a criatividade estão presentes nos conteúdos que disponibilizamos sem restrições, porque o jornalismo é um veículo fundamental para a economia do país.

Apoie a missão de empoderamento das marcas, das empresas e das pessoas: faça parte da nossa comunidade.

Há cerca de seis meses escrevi neste mesmo espaço sobre “Digital Transformation”, e de como é possível adaptar o consumo a esta nova era, antecipar necessidades e, sobretudo, trabalhar temas como “economia circular”, onde se elimina o desperdício e se faz o uso contínuo de recursos.

 

Regresso ao tema, porque a “economia circular” é para mim o tema que irá marcar 2022 e proporcionar o regresso ou reforço da presença de marcas que nunca nos deixaram, mas que se apresentam agora com um novo posicionamento, uma nova vida que equilibra a inteligência digital com a emocional.


Um exemplo do que falo é a Sumol, a primeira bebida de sumo de fruta pasteurizada a surgir em Portugal, estávamos em 1954. Hoje, e sem desvirtuar a sua missão, a marca prepara-se para lançar uma linha de mobiliário que integra materiais da marca em final de vida, como grades de plástico, garrafas de vidro e bidões de polpa de fruta.


A Benamôr, nascida em 1925 e conhecida pelas suas receitas de beleza e bisnagas Art Déco, é outro exemplo de marca que, aos 100 anos, mantém o seu posicionamento e reforçou o pilar da economia circular. Para além de utilizar embalagens de alumínio – material altamente sustentável e líder da economia circular — a marca oferece aos seus clientes a possibilidade de utilizarem garrafas de alumínio reciclado de 500 ml para encher com o seu produto favorito. Depois de vazia, esta garrafa pode voltar a ser cheia com o produto de eleição, por um preço inferior ao habitual.


Outra marca que sempre nos acompanhou, mesmo naqueles dias em que ficámos “retidos em casa” por força da pandemia, é a Delta. Conhecida pelo seu café, a marca de Campo Maior inovou ao produzir cogumelos a partir da borra de café. E por falar em pandemia, quantos de nós não usamos no dia-a-dia, ou nos momentos de atividade física, polares de caminhada da marca Quechua (Decathlon), produzidos em 75% a partir de garradas recicladas? Este é um processo interessante, uma vez que a marca líder em produtos de desporto não produz garrafas e tem de efetuar o processo de recolha e triagem de resíduos junto dos municípios ou organizações externas.


Os últimos tempos têm sido de mudança, quer na forma como nos relacionamos entre nós, quer no modo como as marcas comunicam e se relacionam com o seu público. Hoje existe uma maior “flexibilização” na relação marca-fornecedor-cliente. As redes sociais, e também a pandemia, vieram transformar e agitar modelos instalados e a adesão ao comércio eletrónico tem vindo a aumentar de tal forma que as vendas online já têm um peso considerável na faturação das empresas. Empresas que hoje já se apresentam também com a missão de comprar ou vender casas onde todo o processo é feito online (exceto a escritura) e em menos de 10 dias – falo da Tiko.


É certo que ainda não é possível identificar os impactos destas transformações no mundo pós-pandemia, mas a verdade é que todas estas transformações permitem criar um novo tipo de conteúdo que transporta valor para o cliente, para o colaborador e, obviamente, para o consumidor.


Estamos na primeira metade dos anos 20 do século XXI e sabemos que expressões como “gerir o tempo”, “projeto pessoal” ou palavras como “família”, “bem-estar” “saúde mental”, “sustentabilidade” ou “pegada carbónica” ganham cada vez maior importância. Por isso, é urgente que as marcas não percam o seu foco e, sobretudo, se saibam adaptar a esta nova realidade com experiências que agregam valor para o dia-a-dia de todos, sem desvirtuar costumes e hábitos.

Artigos Relacionados

A carregar...

fechar

Image

O melhor do jornalismo especializado levado até si. Acompanhe as notícias do mundo das marcas que ditam as tendências do dia-a-dia.

A enviar...

Consulte o seu email para confirmar a subscrição.

Li e aceito a política de privacidade.

Image

Fique a par das iniciativas da nossa comunidade: eventos, formações e as séries do nosso canal oficial, o Empower Brands Channel.

A enviar...

Consulte o seu email para confirmar a subscrição.

Li e aceito a política de privacidade.