ghost image socials
A opinião de Ana Gaboleiro
Um dia “chato” na vida de uma marca
16 de maio de 2018
Image
Image
Lorem ipsum dolor sit amet, consectetur adipiscing elit.
Um dia “chato” na vida de uma marca
Ana Gaboleiro
Coordenadora Editorial Digital

Licenciada em Jornalismo pela Escola Superior de Comunicação Social, inspiram-na a natureza e as atividades ao ar livre. Conhecer novas pessoas, visitar regiões e as suas tradições, e trazer na memória os sabores e cheiros que caracterizam o país é o que a move.

Ontem foi Dia Internacional da Família. A data foi escolhida pela Assembleia Geral da ONU, 15 de maio, para reforçar a mensagem de união, amor, respeito e compreensão necessárias para o bom relacionamento de todos os elementos que compõem a família.

Por sinal, ontem foi um dos dias mais tristes para o mundo do futebol e, sobretudo, para o mundo do desporto em geral. Nem por acaso, no dia em que se deveria celebrar a importância da família, e quando todos os clubes de futebol afirmam ser uma grande família, a união, o amor, o respeito e a compreensão foram totalmente postos em causa depois do episódio de violência ocorrido na Academia do Sporting Clube de Portugal.

Cerca de 50 adeptos, de cara tapada, invadiram a Academia com o intuito de agredir jogadores e equipa técnica. O resto da história já conhecem, no final jogadores feridos, equipa técnica assustada e um presidente que diz “Foi chato”.

Os últimos acontecimentos são o hot topic do momento no Google. Ainda há pouco tempo dávamos conta de uma Crise no clube. Falámos com responsáveis da área do marketing desportivo e quisemos perceber como o ambiente pode afetar uma marca clubística.

Hoje, o tema é o mesmo. E a pergunta repete-se: Como uma marca pode sobreviver a uma crise? Mas a resposta com certeza deverá ser diferente porque desta vez não se trata apenas de uma crise, é muito mais do que isso, embora me falta a palavra para o descrever.


Fica na memória os acontecimentos, falta saber o que ainda virá e como pode uma marca “agigantar-se” para ultrapassar momentos difíceis que vão marcar para sempre a sua história.

Artigos Relacionados

A opinião de Pedro Matias
18 de outubro de 2018
Opinião
A opinião de Pedro Machado
16 de outubro de 2018
Opinião
Ação de angariação de fundos
16 de outubro de 2018
Pessoas & Lugares

fechar

fechar

Subscreva a nossa newsletter e receba no seu e-mail as notícias mais quentes da área.

Imagens de Marca Newsletter

Obrigado, consulte o seu email.

Li e aceito a política de privacidade.

Cristina Amaro Newsletter

Obrigado, consulte o seu email.

Li e aceito a política de privacidade.