ghost image socials

Pesquisa

Anúncio feito por Mark Zuckerberg
Grupo Facebook passa a chamar-se Meta
29 de Outubro de 2021
Image
Image
Lorem ipsum dolor sit amet, consectetur adipiscing elit.
Grupo Facebook passa a chamar-se Meta

Faça parte do futuro do Imagens de Marca

O rigor, a relevância e a criatividade estão presentes nos conteúdos que disponibilizamos sem restrições, porque o jornalismo é um veículo fundamental para a economia do país.

Apoie a missão de empoderamento das marcas, das empresas e das pessoas: faça parte da nossa comunidade.

Continuar a ler depois da Publicidade
Pub
Imagem - deskImagem - mob

A novidade foi avançada durante o evento “Connect” da empresa.


O grupo Facebook, do qual fazem parte redes sociais como o Instagram, o WhatsApp e o próprio Facebook, vai mudar de nome para Meta. A novidade foi anunciada pelo CEO e fundador da empresa, Mark Zuckerberg, durante a conferência anual “Facebook Connect”.


Em comunicado de imprensa, a empresa revela que esta mudança de nome pretende refletir um “novo capítulo da empresa”. Um nome que foi escolhido pelo facto de poder significar “além”, materializando o compromisso que a marca diz ter assumido “com a construção de tecnologias sociais que nos levam além do que a conexão digital torna possível hoje”.


Para acompanhar o lançamento desta nova marca, a empresa-mãe vai ter ainda um novo logótipo e cor. O logotipo, que pretende ser uma “homenagem à herança do Facebook”, trata-se de um gradiente em azul que, de acordo com a empresa, foi “projetado para ser experimentado em 3D”.


Na conferência “Facebook Connect”, Mark Zuckerberg apresentou aquilo a que chama de “metaverso”, a palavra que inspirou o novo nome da empresa Facebook. Na mesma nota de imprensa, a marca esclarece que o “metaverso será um espaço virtual 3D social onde se podem partilhar experiências imersivas com outras pessoas […] e fazer coisas juntos que não se poderia fazer no mundo físico”.


“Estou orgulhoso do que construímos até agora, e estou entusiasmado com o que vem a seguir – à medida que avançamos além do que é possível, além das restrições dos ecrãs, além dos limites da distância e da física, e em direção a um futuro onde todos podem estar presentes uns com os outros, criar novas oportunidades e experimentar coisas novas. É um futuro que está além de qualquer empresa e que será feito por todos nós”, acrescentou Mark Zuckerberg.


O CEO e fundador do grupo aproveitou ainda a ocasião para informar sobre o progresso da empresa noutras matérias. No campo da realidade virtual, o Facebbok revela que esta tecnologia “está num ponto de inflexão liderado pelo lançamento da Quest 2”. De acordo com a empresa, neste momento os “jogos estão a crescer, a realidade virtual está a tornar-se mais social, o condicionamento físico está a tornar-se um ponto forte e o Facebook está a desenvolver mais formas de usar a realidade virtual como um dispositivo de trabalho”.


Por outro lado, o grupo esclarece ainda estar a “investir na tecnologia central e no trabalho necessário para trazer óculos de realidade aumentada com recursos completos para o mercado” – ao mesmo tempo que se encontra a “cultivar o conteúdo, recursos e comunidades que podem enriquecer as experiências do Facebook” e a ajudar a construir “o caminho” para estes óculos.

Artigos Relacionados

A carregar...

fechar

Image

O melhor do jornalismo especializado levado até si. Acompanhe as notícias do mundo das marcas que ditam as tendências do dia-a-dia.

A enviar...

Consulte o seu email para confirmar a subscrição.

Li e aceito a política de privacidade.

Image

Fique a par das iniciativas da nossa comunidade: eventos, formações e as séries do nosso canal oficial, o Empower Brands Channel.

A enviar...

Consulte o seu email para confirmar a subscrição.

Li e aceito a política de privacidade.