ghost image socials
Estudo
Como os “centennials” contemplam o futuro
30 de julho de 2020
Image
Image
Lorem ipsum dolor sit amet, consectetur adipiscing elit.
Como os “centennials” contemplam o futuro

Nota da direção editorial:

O jornalismo positivo nunca foi tão importante para a economia do país. Apoie a produção dos nossos conteúdos tornando-se membro ou subscritor da nossa comunidade.

Faça parte de uma causa de empoderamento das marcas, das empresas e das pessoas que nelas trabalham.


Ecológica, mais conservadora e menos adepta do hedonismo do que as gerações anteriores. A Geração Z parece estar mais consciente das consequências do individualismo, dando, por isso, mais importância à ideia de comunidade. É isso que indica, pelo menos, um estudo recentemente realizado na Alemanha.


O hedonismo – uma doutrina filosófica que faz do prazer um bem supremo e objeto da vida – que outrora era particularmente apreciado pelos consumidores mais jovens parece já fazer parte do passado. Nos tempos que correm, a juventude é mais séria e comprometida. É esta a ideia transmitida num estudo realizado na Alemanha pelo SINUS Institute, e do qual as marcas e empresas podem retirar algumas ideias sobre os pensamentos e comportamentos dos chamados “centennials”.


De acordo com esta análise, centrada nas camadas jovens entre os 14 e 17 anos, estes indivíduos contemplam o futuro com um otimismo moderado, provavelmente como consequência da crise provocada pelo novo coronavírus. Além disso, entre os mais jovens parece evidenciar-se um clima de insatisfação, especificamente por áreas vitais muito concretas. Deste estudo ressalta a ideia de que a maior parte dos jovens dá grande importância a valores como a família, a lealdade e a autodeterminação.


No momento de escolher uma carreira profissional, os “centennials” dão particular importância à diversão que o seu trabalho lhes proporciona e à boa relação com os colegas. O salário é naturalmente relevante aos olhos dos mais jovens, mas não é decisivo.

No que diz respeito às atividades de lazer, o desporto desempenha um papel muito importante nas vidas dos mais jovens, altamente motivados por fatores como a saúde, o exercício físico ou a mera diversão. Por outro lado, o bem estar dos mais jovens pode, por vezes, ser comprometido pela cada vez maior falta de tempo, pela pressão em alcançar o sucesso e os medos de natureza social.


Na área da política há um tema que ganha especial força hoje em dia: as alterações climáticas. Os mais jovens estão particularmente interessados na proteção do planeta e do clima, mas sentem simultaneamente que lhes falta poder uma vez que a política é feita pelos mesmos “players” há vários anos. Talvez por essa razão mais de metade da Geração Z tem uma perceção negativa da política, ainda que os adultos sejam mais críticos em relação aos políticos.


Quanto ao coronavírus, ainda que os jovens não escondam a sua preocupação pelo atual contexto, a maioria olha para a pandemia como uma crise temporal que chegará ao seu fim, mais cedo ou mais tarde.

 

 

Artigos Relacionados

De baby Yoda por exemplo
3 de agosto de 2020
Tendências & Tecnologia
Automóveis fornecerem energia à rede elétrica
3 de agosto de 2020
Tendências & Tecnologia

fechar

fechar

Subscreva a nossa newsletter e receba os temas e as notícias que são realmente importantes para si

Imagens de Marca Newsletter

Obrigado, consulte o seu email.

Li e aceito a política de privacidade.

Empower Brands Community Newsletter

Obrigado, consulte o seu email.

Li e aceito a política de privacidade.

fechar

X

Faça parte da nossa comunidade!

A comunicação positiva e o jornalismo inspirador nunca foram tão relevantes para a gestão da sua empresa. Apoie a produção dos nossos conteúdos e dos nossos projetos fazendo parte de uma comunidade que promove o conhecimento, o valor das marcas e a economia sustentável.


Saiba como se tornar membro ou subscritor. Seja bem-vindo à Empower Brands Community e ao Imagens de Marca.

SUBSCREVER

Obrigado, consulte o seu email.