ghost image socials

Pesquisa

Abertas as candidaturas para a “Get in the Ring”
Vodafone Power Lab desafia startups a entrar no ringue
6 de Abril de 2022
Image
Image
Lorem ipsum dolor sit amet, consectetur adipiscing elit.
Vodafone Power Lab desafia startups a entrar no ringue
Marco Silva
Coordenador Editorial Digital

Faça parte do futuro do Imagens de Marca

O rigor, a relevância e a criatividade estão presentes nos conteúdos que disponibilizamos sem restrições, porque o jornalismo é um veículo fundamental para a economia do país.

Apoie a missão de empoderamento das marcas, das empresas e das pessoas: faça parte da nossa comunidade.

A Vodafone através do Power Lab, o programa da operadora que apoia o empreendedorismo e a inovação, anunciou que vai apoiar pela primeira vez a competição de startups Get in the Ring.


É uma competição de que se afirma como a maior competição de startups de todo o mundo. O Vodafone Power Lab associa-se pela primeira vez à “Get in the Ring”. Apesar desta competição já ter acontecido, nos dois últimos anos, em formato virtual, 2022 é o ano em que as startups vão literalmente entrar num ringue para mostrar o que valem. Este é também o ano em que a Vodafone escolheu esta competição para ser o seu concurso anual de startups.


A organização deste evento fica a cargo da Building Global Innovators (BGI) e conta com a parceria do EIT Urban Mobility e da Câmara Municipal de Lisboa, através da plataforma Made of Lisboa. As inscrições já estão abertas, as startups têm até 29 de abril para se inscreverem. Os vencedores da competição local poderão ganhar um prémio no valor de 20 mil euros como acesso direto ao concurso mundial “Get in the Ring - Global Meetup” e ao Vodafone Power Lab, o programa de aceleração da Vodafone Portugal.



As startups que se querem candidatar terão que apresentar soluções disruptivas que respondam a desafios assentes nas categorias de: soluções que tirem partido das tecnologias de realidade aumentada, realidade virtual e realidade mista aplicadas aos mais diversos sectores; soluções que tirem partido da inteligência artificial e das tecnologias de aprendizagem de máquinas, bem como soluções que utilizem mecânicas de jogo promovendo e potenciando a sua utilização; soluções que melhorem a eficiência da mobilidade urbana e que possam ser aplicadas tanto a grandes cidades como a áreas urbanas mais pequenas; Soluções que desenvolvam métodos inovadores para a recolha e tratamento eficiente e seguro de um grande volume de dados.


As candidaturas devem ser apresentadas em inglês, uma vez que o concurso tem um âmbito internacional, explica a Vodafone em comunicado.


Em entrevista ao Imagens de Marca, António Margato, diretor de marketing de consumo da Vodafone Portugal explica que “para termos sucesso na invocação temos de fazer parte deste ecossistema. Temos de partilhar tecnologia e temos que receber as novas ideias e as novas soluções e trabalhar em conjunto para que o resultado acrescente valor. E se pudermos aproveitar isso seja em serviços, seja em soluções da própria Vodafone, ainda melhor.”.

Artigos Relacionados

A carregar...

fechar

Image

O melhor do jornalismo especializado levado até si. Acompanhe as notícias do mundo das marcas que ditam as tendências do dia-a-dia.

A enviar...

Consulte o seu email para confirmar a subscrição.

Li e aceito a política de privacidade.

Image

Fique a par das iniciativas da nossa comunidade: eventos, formações e as séries do nosso canal oficial, o Empower Brands Channel.

A enviar...

Consulte o seu email para confirmar a subscrição.

Li e aceito a política de privacidade.