ghost image socials
A opinião de António Jorge
O Jornalismo de Marca
16 de Julho de 2021
Image
Image
Lorem ipsum dolor sit amet, consectetur adipiscing elit.
O Jornalismo de Marca
António Jorge
Consultor, Executivo e Docente Universitário

Nota da direção editorial:

O jornalismo nunca foi tão importante para a economia do país. Apoie a produção dos nossos conteúdos tornando-se membro ou subscritor da nossa comunidade.

Faça parte de uma causa de empoderamento das marcas, das empresas e das pessoas que nelas trabalham.


Hoje é mais difícil obter informação credível, confirmada, relevante e verdadeira. Os media “encurtaram” redações, as redes sociais amplificam e mascaram fake news, as declarações políticas e oficiais perderam credibilidade e relevância.


Este é o contexto que gera a oportunidade de jornalismo de marca. Não se trata de um jornalismo que seja concorrente dos media, mas antes complementar. Em regra, não aborda as temáticas da vida política ou do desporto, mas sim conteúdos que sejam relevantes para as marcas e seus stakeholders.


Hoje uma marca não só tem de ser relevante e diferenciadora, como também tem de entregar real valor à sociedade, de forma autêntica.


É nesta entrega ou partilha de valor que as marcas escolhem intervir na resolução de grandes problemas da sociedade, quer de âmbito local ou global. Temas como a sustentabilidade, a gestão eficiente dos recursos, a educação e conhecimento, a saúde e a igualdade de género, são temas, entre outros, escolhidos pelas empresas para efetuar esta partilha.


É nestas temáticas e nas áreas intimamente ligadas ao propósito da marca que os conteúdos desenvolvidos pelas marcas atingem um carácter jornalístico. Trata-se de dar mais enfâse à clássica missão de informar, que a comunicação de marca tem, por contrapartida da até aqui, dominante publicidade. 


As marcas B2B tem, por inerência da sua comunicação menos emotiva, uma maior necessidade de desenvolver este jornalismo; contudo as marcas B2C podem também agregar este valor realista e objetivo às suas comunicações, normalmente emotivas.


Esta alternativa de obtenção de informação e conhecimento desenvolve-se essencialmente no meio digital, sob a foram de blogs, podcasts, web casts e white papers.


Consultoras como a Mckinsey, BCG, Deloitte e Accenture, são um bom exemplo na área de partilha de conhecimento sobre as temáticas de gestão e de negócios e, o Montepioé um bom exemplo de contribuição para a literacia financeira e gestão das finanças pessoais.


A marca é um conceito agregador, com um papel cada vez mais importante, não só na economia, mas na sociedade em geral.


Artigos Relacionados

fechar

fechar

X

Faça parte da nossa comunidade!

A comunicação positiva e o jornalismo inspirador nunca foram tão relevantes para a gestão da sua empresa. Apoie a produção dos nossos conteúdos e dos nossos projetos fazendo parte de uma comunidade que promove o conhecimento, o valor das marcas e a economia sustentável.


Saiba como se tornar membro ou subscritor. Seja bem-vindo à Empower Brands Community e ao Imagens de Marca.

SUBSCREVER

Obrigado, consulte o seu email.