ghost image socials
A opinião de Vanda Jorge
Este texto não o vai deixar mais feliz
13 de abril de 2018
Image
Image
Lorem ipsum dolor sit amet, consectetur adipiscing elit.
Este texto não o vai deixar mais feliz
Vanda Jorge
Diretora de Conteúdos Editoriais

Estudou Comunicação social no ISCSP. Vive da curiosidade. City & Trend Hunter.
Coleciona viagens, conversas, documentários, livros, revistas e experiências.

O título inspira-se apenas e simplesmente nas primeiras palavras que retiro da exposição The Happy Show de Stefan Sagmeister, em exibição no MAAT. Leio logo à entrada: “esta exposição não o vai deixar mais feliz”. Mas na verdade, desculpa Stefan, até me deixou.

Sagmeister dispensa apresentações, mas para contexto é o designer gráfico que em Portugal trabalhou há uns anos a marca EDP, mudou-se para Nova Iorque em 1993 onde, desde então, tem influenciado a cultura do design, entre os seus trabalhos mais reconhecidos estão capas de discos para bandas como os Rolling Stones e Lou Reed mas também campanhas para marcas como a HBO e a Levi’s.


Depois de ver The Happy Film, o documentário que o designer produziu e onde vive uma série de experiências para descobrir o que causa a felicidade, como pode ele próprio pode ser mais feliz, colocando a questão se seria possível ter como projeto de design a sua própria felicidade, a exposição foi para mim uma espécie de experiência imersiva do próprio filme. E talvez por isso, no final do dia de ontem me tenha sentido feliz.

Há dias a Harvard Business Review publicava um artigo que falava sobre a importância de nos focarmos nas questões e não nas respostas para alcançarmos melhores insights em processos de Brainstorming.

Questiono-me se não será a procura da felicidade um eterno processo de Brainstorming?

Numa espécie de diário aberto, em The Happy Show Stefan Sagmeister questiona o que é a felicidade, como a podemos encontrar, o que fazemos para sermos felizes. Entre vídeos, infografias, esculturas e instalações interativas, mas também com provocações e interações e a apresentação de dados sociais.

Image
Image
Image


Um laboratório onde se explora a visão e a mente de quem defende que devemos ter uma atitude mais participativa na procura da felicidade, porque tal como o corpo também se pode treinar a mente.

À entrada carreguei num botão e saiu-me uma carta que me dizia “Faça um desconhecido rir à gargalhada”. Confesso que não o fiz na exposição. Fui pouco participativa. Trouxe-o comigo e talvez seja uma missão para os próximos dias.

E mais do que respostas da exposição trouxe questões. Muitas.

Image


Para Sagmeister foram mais de 10 anos de pesquisa sobre o conceito da felicidade. Eu vou começar por tentar fazer rir à gargalhada um desconhecido.


Reveja a entrevista que o Imagens de Marca fez recentemente ao designer e onde fala sobre a Beleza, o seu novo projeto, mas também sobre a Felicidade.

Artigos Relacionados

A opinião de Pedro Machado
16 de outubro de 2018
Opinião
Ação de angariação de fundos
16 de outubro de 2018
Pessoas & Lugares
Projeto #DreamBigPrincess
15 de outubro de 2018
Pessoas & Lugares

fechar

fechar

Subscreva a nossa newsletter e receba no seu e-mail as notícias mais quentes da área.

Imagens de Marca Newsletter

Obrigado, consulte o seu email.

Li e aceito a política de privacidade.

Cristina Amaro Newsletter

Obrigado, consulte o seu email.

Li e aceito a política de privacidade.