Em tempos de crise, o mercado do luxo atinge valores recorde

Pesquisa

Estudo
Em tempos de crise, o mercado do luxo atinge valores recorde
17 de Novembro de 2023
Em tempos de crise, o mercado do luxo atinge valores recorde
Em tempos de crise, o mercado do luxo atinge valores recorde
Lorem ipsum dolor sit amet, consectetur adipiscing elit.
Em tempos de crise, o mercado do luxo atinge valores recorde
Pub
Pub Lateral dentro artigoPub Lateral dentro artigo
Continuar a ler depois da Publicidade
Pub
Pub dentro artigoPub dentro artigo

O mercado global de luxo deve atingir, até ao final do ano, 1.5 biliões de euros. Um crescimento de 8% a 10% face a 2022, o que estabelece um novo recorde para a indústria, apesar das condições macroeconómicas desafiantes.

 

As conclusões são do “Luxury Goods Worldwide Market Study – Fall 2023”, um estudo da Bain & Company, consultora global, e da Altagamma, associação italiana da indústria de fabricantes de bens de luxo, que avança que foi registado um aumento de cerca de 160 mil milhões de euros gastos em diferentes categorias de luxo.

 

“Perante mudanças geopolíticas e macroeconómicas pronunciadas, o mercado de luxo provou ter uma resiliência sem paralelo até agora, com o segmento-chave, os bens de luxo pessoais, a registar um crescimento contínuo em 2023 e que deverá atingir os 362 mil milhões de euros até ao final do ano – ao câmbio atual, 4% acima de 2022”, revela a Bain & Capital.

 

O estudo aponta ainda que, até 2030, prevê-se que o segmento de bens de luxo pessoais atinja um valor entre os 540 e os 580 mil milhões de euros. Um setor onde todas as categorias apresentam crescimentos.

 

A joalharia e pronto-a-vestir cresceram cerca de 5% a 6%, devendo atingir, respetivamente, os 30 mil milhões e os 79 mil milhões de euros em 2023. A cosmética cresceu cerca de 4% a 5%, para 72 mil milhões. A compra de relógios também continua a aumentar, de 3% a 4%, para 55 mil milhões, assim como os artigos em pele, embora este crescimento (3 a 4%, para 81 mil milhões) esteja a abrandar. A categoria do calçado é a que apresenta o crescimento menos notório, entre 2% e 3%, prevendo-se que atinja os 28 mil milhões até ao final do ano.

 

“Este é um momento decisivo para as marcas […] O mercado de luxo está a gerar um crescimento positivo para 65-70% das marcas em 2023, face aos 95% em 2022. Para permanecerem em jogo, é crucial que as marcas tomem decisões ousadas em nome dos seus clientes”, refere Claudia D’Arpizio, autora do estudo e partner da Bain & Company.

 

Pub
Horizontal Final do artigoHorizontal Final do artigo

Artigos Relacionados

fechar

Em tempos de crise, o mercado do luxo atinge valores recorde

O melhor do jornalismo especializado levado até si. Acompanhe as notícias do mundo das marcas que ditam as tendências do dia-a-dia.

A enviar...

Consulte o seu email para confirmar a subscrição.

Li e aceito a política de privacidade.

Em tempos de crise, o mercado do luxo atinge valores recorde

Fique a par das iniciativas da nossa comunidade: eventos, formações e as séries do nosso canal oficial, o Brands Channel.

A enviar...

Consulte o seu email para confirmar a subscrição.

Li e aceito a política de privacidade.

imagensdemarca.pt desenvolvido por Bondhabits. Agência de marketing digital e desenvolvimento de websites e desenvolvimento de apps mobile