ghost image socials
Observador Cetelem Regresso às Aulas 2019
Em que locais os portugueses compram o material escolar?
10 de setembro de 2019
Image
Image
Lorem ipsum dolor sit amet, consectetur adipiscing elit.
Em que locais os portugueses compram o material escolar?
Ema Gil Pires
Jornalista

Licenciada em Ciências da Comunicação pela Universidade Nova de Lisboa e com um enorme fascínio pelo mundo da música e do desporto. Descobrir novas histórias e temáticas inovadoras é algo que lhe desperta um grande interesse, tal como dar a conhecê-las àqueles que a rodeiam.

Numa altura em que já se prepara o Regresso às Aulas, o Observador Cetelem propôs-se a descobrir quais os locais preferidos dos portugueses para a compra de material escolar. As grandes superfícies, como é o caso dos híper e supermercados, são o espaço predileto de 85% dos portugueses, ultrapassando assim as papelarias tradicionais (54%) e as livrarias e lojas especializadas (46%).

Note-se ainda que estas grandes superfícies comerciais são a preferência independentemente do nível e do local de ensino, conquistando o primeiro lugar quer no ensino público, quer no privado (86% e 72%, respetivamente). Para além disso, é entre os inquiridos da zona Centro que se regista uma maior preferência por fazer compras de material escolar nas grandes superfícies comerciais, com 94% dos questionados a revelar fazê-lo.

Já a grande maioria dos inquiridos (64%) que tem a seu cargo alunos que frequentam o ensino privado preferem comprar material escolar em livrarias ou lojas especializadas, sendo também a preferência de 51% dos que têm alunos no 2º ciclo e 52% dos que têm a cargo estudantes do 3º ciclo, independentemente do tipo de ensino. Adicionalmente, 54% dos inquiridos com estudantes a seu cargo no ensino público adquirem material escolar em papelarias tradicionais.

O Observador Cetelem concluiu ainda que, neste Regresso às Aulas, o material escolar essencial (como mochilas, cadernos e canetas) se configura como a categoria com maior intenção de compra (98%), seguindo-se o equipamento para a realização de educação física (89%), os artigos de vestuário e de calçado (88%) e o material de apoio didático extra (65%).

Artigos Relacionados

Vodafone oferece voz, SMS e dados móveis ilimitados
20 de setembro de 2019
Tech
Evento decorreu em Munique
20 de setembro de 2019
Tech

fechar

fechar

Subscreva a nossa newsletter e receba no seu e-mail as notícias mais quentes da área.

Imagens de Marca Newsletter

Obrigado, consulte o seu email.

Li e aceito a política de privacidade.

Cristina Amaro Newsletter

Obrigado, consulte o seu email.

Li e aceito a política de privacidade.