Do Super Bowl até à Lua

Pesquisa

A opinião de Sandra Lopes
Do Super Bowl até à Lua
20 de Fevereiro de 2024
Do Super Bowl até à Lua
Do Super Bowl até à Lua
Lorem ipsum dolor sit amet, consectetur adipiscing elit.
Do Super Bowl até à Lua
Sandra Lopes
Diretora de Serviço a Clientes da Initiative

Tudo ou quase tudo já se falou sobre a última edição da Super Bowl, que veio provar que ainda é possível existirem fenómenos televisivos que prendem milhões de pessoas em frente a um ecrã de televisão.


Mas o que surpreende é que, num período em que o consumo on demand ganha cada vez maior destaque, em oposição ao tradicional Prime Time, existam ainda momentos como a Super Bowl a mostrar que a TV ainda consegue gerar estes momentos únicos de audiências, principalmente num país como os EUA, em que o consumo de conteúdos via streaming ultrapassa já largamente o consumo de TV linear.


Este ano o Super Bowl foi visto por uma média de 123.4 milhões de pessoas nos EUA, tornando-se no momento de maior audiência desde a chegada do homem à Lua!


De Neil Amstrong a marcar o momento das primeiras pegadas do homem na Lua, à cantora Taylor Swift a aparecer na bancada na final do futebol americano, dois momentos completamente opostos na história, a mostrar como o mundo mudou tanto em cinco décadas.


E mudou também na forma como o evento ganha escala e como os seus conteúdos são consumidos, sendo que para além das audiências únicas em TV, existe ainda toda a disseminação além do momento de transmissão, em que se gera Buzz no pré e pós evento. Só este ano, em Youtube, foram reportadas as maiores taxas de visualização de sempre da plataforma, com 350k horas despendidas a ver anúncios do Super Bowl e, em Instagram, foram contabilizados mais de 8 milhões de posts referentes ao evento.


Mas este não é apenas um fenómeno de audiências, é um fenómeno no mundo da comunicação, em que as marcas tentam tudo para se conseguirem destacar nesta luta pela atenção do consumidor.


Grande parte dos espetadores do Super Bowl pretende ser surpreendido com publicidade, e este acaba mesmo por se tornar mesmo um dos principais momentos do evento, uma verdadeira passadeira vermelha onde desfilam os anúncios mais originais e disruptivos e que ganham alcance pelo mundo fora. São campanhas que vão muito além do tradicional spot de TV de 30” e que fazem de tudo para sobressair e ganhar o destaque no pódio da notoriedade.


Segundo um estudo da Kantar existem alguns elementos que ajudam a maximizar o retorno do investimento no momento da Super Bowl, como ter uma boa história para contar e que tenha em conta as tendências culturais, o uso de celebridades alinhadas com os valores da marca, a presença adequada em Digital para aumentar interação, e o uso do Humor, uma das principais ferramentas criativas na indústria publicitária, e que pode fazer a diferença no momento em que uma marca se pretende destacar no meio do clutter.


Estes são alguns ingredientes que podem servir de inspiração para qualquer Marketeer mas, se há algo que o Super Bowl nos vem mostrar, é que o que importa não é apenas o momento, mas a preparação para o momento. Ou como diria Vince Lombardi, um dos treinadores do Super Bowl que ficou para a história, “Vencer não é tudo, mas dar tudo de si pela vitória é a única coisa que importa”!


Artigos Relacionados

A carregar...

fechar

Do Super Bowl até à Lua

O melhor do jornalismo especializado levado até si. Acompanhe as notícias do mundo das marcas que ditam as tendências do dia-a-dia.

A enviar...

Consulte o seu email para confirmar a subscrição.

Li e aceito a política de privacidade.

Do Super Bowl até à Lua

Fique a par das iniciativas da nossa comunidade: eventos, formações e as séries do nosso canal oficial, o Brands Channel.

A enviar...

Consulte o seu email para confirmar a subscrição.

Li e aceito a política de privacidade.

imagensdemarca.pt desenvolvido por Bondhabits. Agência de marketing digital e desenvolvimento de websites e desenvolvimento de apps mobile