ghost image socials

Pesquisa

E-Redes e PWIT
Campanha quer promover a diversidade de género nas tecnologias e engenharias
24 de Novembro de 2021
Image
Image
Lorem ipsum dolor sit amet, consectetur adipiscing elit.
Campanha quer promover a diversidade de género nas tecnologias e engenharias

Faça parte do futuro do Imagens de Marca

O rigor, a relevância e a criatividade estão presentes nos conteúdos que disponibilizamos sem restrições, porque o jornalismo é um veículo fundamental para a economia do país.

Apoie a missão de empoderamento das marcas, das empresas e das pessoas: faça parte da nossa comunidade.

Continuar a ler depois da Publicidade
Pub
Imagem - deskImagem - mob

O projeto vai ser divulgado em 800 agrupamentos escolares de todo o país.


A E-Redes associou-se à Portuguese Women in Tech (PWIT) para o lançamento de uma campanha que quer inspirar e motivar raparigas entre os 10 e os 18 anos a seguirem carreiras nas áreas das tecnologias e engenharias.


Intitulado “Future Portuguese Women in Tech Powered by E-REDES”, o projeto pretende contribuir para um maior equilíbrio de género nas áreas tecnológicas, num horizonte de 10 anos. Em comunicado de imprensa, a E-Redes esclarece que vai promover a divulgação do programa “junto das escolas e numa faixa etária que pode fazer a diferença”.


A iniciativa vai, deste modo, ser divulgada em 800 agrupamentos escolares de todo o país. A campanha de sensibilização em causa é, por sua vez, composta por uma série de 25 vídeos protagonizados por mulheres com carreiras nas referidas áreas.


No âmbito deste projeto, a E-Redes vai ainda disponibilizar um programa completo de conteúdos pedagógicos às escolas. “Professores e orientadores do segundo e terceiro ciclos, assim como do ensino secundário, terão assim acesso a ferramentas de trabalho para serem utilizadas em contexto de sala de aula, incluindo material de comunicação e exercícios práticos”, pode ler-se na mesma nota enviada às redações.


Nos últimos cinco anos, a E-Redes diz ter contratado 90 mulheres, das quais cerca de metade são formadas em engenharias – querendo, no entanto, “ir mais além”, nomeadamente através deste projeto.


Esta é uma iniciativa que surge numa altura em que, de acordo com dados do Eurostat, apenas 14,4% dos profissionais na área de Tecnologias de Informação em Portugal é do género feminino, número que fica abaixo da média europeia.

Artigos Relacionados

A carregar...

fechar

Image

O melhor do jornalismo especializado levado até si. Acompanhe as notícias do mundo das marcas que ditam as tendências do dia-a-dia.

A enviar...

Consulte o seu email para confirmar a subscrição.

Li e aceito a política de privacidade.

Image

Fique a par das iniciativas da nossa comunidade: eventos, formações e as séries do nosso canal oficial, o Empower Brands Channel.

A enviar...

Consulte o seu email para confirmar a subscrição.

Li e aceito a política de privacidade.