ghost image socials
Nova campanha
BIAL dá voz aos doentes de Parkinson
11 de abril de 2019
Image
Image
Lorem ipsum dolor sit amet, consectetur adipiscing elit.
BIAL dá voz aos doentes de Parkinson
Ema Gil Pires
Jornalista

Licenciada em Ciências da Comunicação pela Universidade Nova de Lisboa e com um enorme fascínio pelo mundo da música e do desporto. Descobrir novas histórias e temáticas inovadoras é algo que lhe desperta um grande interesse, tal como dar a conhecê-las àqueles que a rodeiam.

As alterações na voz são uma das consequências da progressão da doença de Parkinson, podendo ser exacerbadas em contexto de interação social. Este é o tema que serve de metáfora à nova campanha sobre a Doença de Parkinson e que vai ser lançada no Dia Mundial dedicado a esta doença, assinalado a 11 de abril.

“Speak up for Parkinson’s” (“Falar de Parkinson”) insere-se numa campanha de âmbito mundial, lançada pela BIAL nas redes sociais e iniciada há três anos, visando aumentar o conhecimento sobre a realidade em que vivem algumas pessoas com a doença de Parkinson.

Assim sendo, este novo filme retrata uma doente que sofre de Doença de Parkinson e que tem dificuldades na voz, assentando na ideia de que quando várias vozes falam em uníssono, a mensagem é mais poderosa e consegue chegar mais longe.

Este novo filme reúne as vozes de quem convive diariamente com estes doentes porque, na visão da BIAL, ainda que haja conhecimento sobre o que é esta doença, há ainda um enorme desconhecimento sobre as dificuldades que os doentes enfrentam no seu quotidiano.

Para Rui Sobral, diretor do Departamento Global de Parkinson da BIAL, “estes doentes ainda não têm uma voz suficientemente forte. A maior parte das pessoas ainda não sabe o suficiente sobre esta condição de saúde. Pretendemos com esta campanha quebrar o tabu, e para tal precisamos de todas as vozes possíveis para ajudar doentes e cuidadores”.

Desde 2017, a BIAL tem vindo a desenvolver campanhas globais associadas ao Dia Mundial de Parkinson, cujo objetivo passa por sensibilizar a população sobre esta doença e sobre a forma como afeta as pessoas que, direta ou indiretamente, por ela são atingidas.

De acordo com a marca, os filmes procuram ainda ilustrar como algumas das limitações associadas à doença podem ser superadas com a compreensão e o apoio de todos. Os filmes das campanhas anteriores, promovidos através das plataformas digitais, atingiram mais de 1,1 milhões de visualizações.

Além disso, a BIAL lançou também, em 2018, a plataforma “Parkinson’s in Mind”, que engloba um site e diversas redes sociais que disponibilizam conteúdos dirigidos a pessoas com a Doença de Parkinson, bem como a cuidadores e a profissionais de saúde.

Artigos Relacionados

fechar

fechar

Subscreva a nossa newsletter e receba no seu e-mail as notícias mais quentes da área.

Imagens de Marca Newsletter

Obrigado, consulte o seu email.

Li e aceito a política de privacidade.

Cristina Amaro Newsletter

Obrigado, consulte o seu email.

Li e aceito a política de privacidade.