ghost image socials
O seu nome é MOZ
A marca que colocou o foco na solidariedade
5 de Julho de 2019
Image
Image
Lorem ipsum dolor sit amet, consectetur adipiscing elit.
A marca que colocou o foco na solidariedade

Foi depois de ter tido a oportunidade de fazer voluntariado em Moçambique que Francisca Queiroz teve a ideia de criar a MOZ. Na altura em que teve de voltar a Portugal, depois desta experiência, aquela que é hoje uma das fundadoras deste projeto juntou uma larga quantidade de tecido capulana, originário de Moçambique, o qual trouxe com ela de volta para o seu país natal para que conseguisse colocar em andamento uma ideia de negócio que já germinava na sua mente.

É assim que nasce a MOZ, uma marca de produção inteiramente portuguesa e que tem já disponível uma coleção de oito modelos de t-shirt, as quais integram no seu fabrico um bolso com tecido capulana e apresentam um nome simbólico escrito em Changana, um dialeto local moçambicano – e cuja percentagem das vendas (5%) revertem para ajudar a Casa do Gaiato, instituição moçambicana que ajuda crianças carenciadas.

“A nossa missão, antes de mais, passa por partilhar a cultura moçambicana com todos os potenciais clientes, transmitindo-lhes, em simultâneo, o valor da MOZ e a universalidade dos nossos produtos. Isto sem esquecer o aspeto solidário, para as necessidades moçambicanas, que é muito importante para nós”, contam ao Imagens de Marca Francisca Queiroz e Luís Magalhães, namorado de Francisca que por ela foi desafiado a fundar esta marca.

Image
Image
Image
Image
Image

Neste momento, a venda destas t-shirts está a ser feita através do site oficial da marca – www.mozclothes.store – tendo as redes sociais sido as plataformas de comunicação privilegiadas neste momento. No entanto, os fundadores revelam que o próximo passo, de forma a potenciar a divulgação e crescimento da marca, deverá passar pelo aumento da presença nas redes sociais através de parcerias com influenciadores digitais, mas estando também a ser considerado o estabelecimento de parcerias com lojas físicas. Para além disso, Francisca e Luís revelam ainda a intenção de apresentarem a sua marca através de feiras e eventos com os quais a marca se identifique – tal como fizeram em alguns torneios de padel que apoiaram recentemente.


Tratando-se de um projeto de cariz simultaneamente empresarial e social, este tem como objetivo chegar a todo e qualquer público, revelam os fundadores: “Nunca foi nossa intenção escolhermos um segmento específico, uma vez que temos desde adolescentes até adultos, desde estudantes a diretores-executivos, desde desportistas a nutricionistas que usam as nossas t-shirts. De resto, o cariz solidário do projeto tem provocado uma adesão muito positiva junto dos portugueses”.

Com várias ideias já em fase de análise para implementação, a MOZ traça já alguns objetivos para o seu futuro: “A curto prazo, temos como objetivo aumentar a nossa rede de clientes, fazendo crescer, simultaneamente, a sensibilização para a problemática moçambicana e, a nível mais abrangente, africana. A longo prazo, gostaríamos de ganhar dimensão suficiente que nos permitisse apoiar outras instituições e projetos de solidariedade”, referem os fundadores ao IM.

Artigos Relacionados

fechar

fechar

X

Faça parte da nossa comunidade!

A comunicação positiva e o jornalismo inspirador nunca foram tão relevantes para a gestão da sua empresa. Apoie a produção dos nossos conteúdos e dos nossos projetos fazendo parte de uma comunidade que promove o conhecimento, o valor das marcas e a economia sustentável.


Saiba como se tornar membro ou subscritor. Seja bem-vindo à Empower Brands Community e ao Imagens de Marca.

SUBSCREVER

Obrigado, consulte o seu email.